Arquivos

Votação
 Dê uma nota para meu blog

Outros links
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis




Blog de rdsramon
 


O Estudo é uma arte, a arte é o pensamento e a aprendizagem.

Pra começar, eu te pergunto, que matéria você mais gosta de estudar?

Todos nós temos uma ou duas matérias preferidas e que sentimos prazer quando conversamos sobre ela e também quando questionamos, buscamos respostas na internet, em livros de biblioteca e na televisão.

Se você for analisar, tudo é estudo e tudo tem que aprender, mas e quanto aos talentos naturais? Você terá que aprender a usá-los para alcançar o sucesso.

Tudo é estudo! Você é uma pessoa religiosa e vai freqüentemente à missa? Você então estuda muito a filosofia que está por traz da bíblia e os mistérios de Deus, mas se você é aquela pessoa que gosta muito de estudar e se pergunta o tempo todo sobre a lógica da vida, conseqüentemente você gosta de biologia.

Enfim cada um tem a sua opinião e o seu modo de ver a vida, a vida é uma grande aventura, mas o tempo todo ela está em processo de estudo, desde a ação de assistir a um filme até ler uma notícia no jornal.

Quero-te dizer que estudar é muito bom, mas muito bom mesmo, principalmente aquilo que você gosta, e se você tem dificuldade para estudar algo que você não gosta, associe a matéria que você já domina bem.

Um exemplo é a matemática para a maioria dos estudantes não é a mais cobiçada, mas aí vem uma dica, se você quer se interessar por matemática comece estudando a história dela, como ela surgiu e evoluiu e onde nasceu.

Com um simples toque de história é o suficiente para progredir nessa grande matéria que perseguem muitos.

Se você começar a analisar, todas as matérias estão associadas umas às outras e eu não preciso nem te dar um exemplo pra você perceber isso, principalmente para quem está no último ano do ensino médio ou faz cursinho.

Se interessar pelo estudo para quem não é acostumado exige um pouco de treino, mas muito mais força de vontade, curiosidade e vontade de aprender coisas novas, descobrir o mundo.

Quando estiver estudando associe aquilo que aprende com o que mais gosta e com o que mais se pergunta, mas pensa também, quem sabe é hoje que você ache a resposta e possa até fazer história com a matemática, escrevendo corretamente o português, descobrindo a vida de novos seres, viajando no tempo e lendo mapas.

Estudo também é lazer!

O que está esperando, aproveite agora seu tempo livre, escolha uma matéria e bons estudos!



Escrito por rdsramon às 21h40
[] [envie esta mensagem
] []





ARTIGO DO DONO DO BLOG: RAMON RIBEIRO

Se você está confuso, não se preocupe, tem muita gente na mesma situação inclusive eu!

 

Pra começar quero te dizer que o que você vai ler é um texto de minha total autoria a qual tirei conclusões de cada ideia que surgia em minha mente, e tenho certeza que você lerá um bom texto e que vou conseguir me ajudar e te ajudar por que se tem uma coisa que estou aprendendo a ter é auto-confiança para que eu possa nessa minha vida ser um vencedor.

Como todos querem ser vencedores, você e inclusive eu nos dedicamos muito nos estudos para fazer um bom vestibular, estudamos de tudo, as principais matérias português e matemática, e também história, geografia, biologia, química, física, ao mesmo tempo que cada uma está ligada à outra também ficamos confusos com suas diferença, principalmente no último ano do ensino médio.

Mas para uma pessoa decidir o que ela realmente quer para sua vida ela precisa primeiramente se auto conhecer, preguntar a si mesma "quem eu sou e o que eu quero" do que eu gosto e desprezo, quais são as qualidades que você admira em uma pessoa e os defeitos que você examina nela?

Eu já fiquei confuso demais durante muito tempo sobre o que eu realmente queria para minha vida, já pensei em psicologia, em letras, em direito, rádio e tv, relações exteriores, política, hotelaria, turismo e cinema.

Mas desde pequeno eu sempre gostei de escrever, escrevia livros, histórias, atuava, e ainda escrevo muito mas agora são letras de música, e que reconheço que são boas, falam de amor, de tristeza, de lugares, de tempos, de Deus, e de minhas paixões.

Agora você que está lendo esse texto se examine, o que você fazia desce criança, gostava muito e preserva até hoje, talvez esse seja o caminho para que você possa embarcar na grande aventura da sua vida de escolher a verdadeira profissão que traga felicidade. Eu sei que não tirei sua confusão mas pelo menos dei à você o caminho certo de se auto conhecer e assim se perguntar finalmente quando chegar a hora, o que eu quero para minha vida, a resposta virá na hora, acredite!

Se a profissão que você quer seguir for muito concorrida e arriscada virá o grande medo, e o medo é aquele sentimento que protege o homem muitas vezes mas também o impede de fazer o que mais deseja nesse mundo para alcançar a felicidade.

Quer que eu responda como vencer o medo? Não há como vencê-lo porque quando você superar uma barreira surgirá outra, mas ele pode ser ignorado se você tiver a grande auto confiança em si mesmo.

Me refiro ao medo como o ponto mais negativo da nossa mente, toda pessoa seja ela como for guarda um medo em seu subconsciente, o meu maior medo é o de passar fome, e o seu?

Com carteza você respondeu na hora em sua mente e o que você deve fazer é viver, aprender e sempre lutar para que esse medo que você tem não te supere, afinal a vida têm sim seus momentos de alegria e de bem estar mas até nesses momentos você precisa estar em plena batalha para menter esse bem estar.

E é o que quero te dizer como foco desse artigo, que todos nós temos medo na hora da certeza mas precisamos ter confiança em nós mesmos para vencermos os obstáculos da vida.  Afinal nunca se sabe o que a vida nos reserva mas precisamos sempre estar preparados para encarar os desafios.

E pra qualquer coisa que você for fazer na vida exige muito estudo, seja humanas, exatas, música, direito, medicina, enfim, tudo exige muito suor para que possamos alcançar o sucesso.

Ainda trarei mais artigos em breve, por enquanto continue confiando em você e em Deus que tudo vai dar certo, e lembre- se sempre, confiança e conhecimento são as portas do sucesso.

Ramon Ribeiro.                                                                                                             rdsramon@hotmail.com                                                                                  



Escrito por rdsramon às 14h37
[] [envie esta mensagem
] []





DISNEY TROCOU O TÍTULO DE RAPUNZEL PARA ATRAIR O PÚBLICO MASCULINO Tagged com: DISNEY, ENROLADOS, tangled

No fim do ano passado, a Disney retornou à animação tradicional com A PRINCESA E O SAPO. O filme foi muito elogiado, mas os números das bilheterias ficaram abaixo do esperado – apenas $222 milhões ao redor do mundo. Qual foi o culpado pelo seu fracasso? Para a Disney, a resposta é simples: A PRINCESA E O SAPO se deu mal basicamente porque tem a palavra “princesa” no seu nome. “Baseado na reação de fãs e críticos, acreditamos que os resultados teriam sido maiores se não fossem prejudicados pelo título”, afirma Ed Catmull, presidente da Pixar e Disney Animation Studios.

Aprendida a “lição”, a casa do Mickey se apressou em salvar o projeto seguinte. Em matéria publicada pelo Los Angeles Times, ficou esclarecido que, como os fãs já imaginavam, foi para não afastar o público masculino que a Disney trocou o título de RAPUNZEL, que estreia nos EUA em novembro, para TANGLED – nome mais genérico, que não deixa tão claro que se trata de uma adaptação do conto dos Irmãos Grimm. “Algumas pessoas poderiam achar que é um conto de fadas para meninas, quando na verdade não é. Nós fazemos filmes para serem apreciados e amados por todos”, disse Ed Catmull.

Não é só o novo título que foge do rótulo de “filme para meninas”. O par romântico de Rapunzel, Flynn Rider, nada tem a ver com o príncipe heróico e almofadinha do conto original – Rider é um infame bandido, e a Disney pretende dar um pouco de destaque a ele na divulgação do filme. A própria Rapunzel também não é nenhuma garotinha ingênua, e sim uma adolescente cheia de determinação.

Com essas mudanças, a Disney espera atrair um público mais amplo, da mesma forma que acontece com os filmes da Pixar (UP – ALTAS AVENTURAS, por exemplo, arrecadou mais de 700 milhões de dólares pelo mudo). Mas há quem ache que a decisão da Disney não foi das mais acertadas. Você reparou na ilustração que abre este post? Ela foi feita por Floyd Norman, ex-animador da Disney e da Pixar. E como você deve ter percebido, Norman acha que é um absurdo mudar o título do filme.

“A ideia de mudar o título de um clássico como RAPUNZEL para TANGLED é mais do que estúpida”, diz Norman. “Eu ainda estou torcendo para que a Disney recupere a sua sanidade e mude o título de volta para o que ele devia ser. Estou convencido de que eles não vão ganhar nada com isso, a não ser fazer o público achar que a Disney está tentando desperadamente encontrar uma audiência.”

Na hora de mudar o título de RAPUNZEL, a Disney testou várias ideias, mas acabou ficando com TANGLED (“emaranhado”) porque, além de fazer uma brincadeira com a cabeleira da protagonista, o novo título ainda deixa subentendido que esta é uma versão mais “bagunçada” do famoso conto. A palavra “tangled” (que também pode ser traduzida como “confuso” ou “complicado”) ainda se aplica bem ao relacionamento dos dois personagens principais.

Vamos ver se o novo nome realmente vai ajudar o filme a se sair bem nas bilheterias.



Escrito por rdsramon às 14h09
[] [envie esta mensagem
] []





A Televisão Precisa de Cultura, Não de Vida Alheia!

Temos que nos orgulhar dos grandes artistas, escritores, atores, cantores e personalidades que nós temos nesse Brasil que ontem, hoje e amanhã vai nos trazer diversão, emoção e muitas alegrias. O Brasil é cheio de grandes nomes que são influencia no mundo todo inclusive na Europa e nos Estados Unidos. Somos privilegiados com uma beleza incomparável de cidades históricas e metrópoles famosas como Rio de Janeiro, Natal, Belo Horizonte, São Paulo entre muitas outras. 

Para quem nunca teve a chance de conhecer o grande espetáculo das Cataratas do Iguaçu e a Maravilha do Centro do Brasil como Caldas Novas em Goiás, as lindas praias do litoral brasileiro e o carisma do povo de cada região, não precisa fazer muito pra presenciar tudo isso, é só a televisão e os meios de comunicação fazerem a sua parte.

A televisão brasileira provou que tem muitos talentos para serem aproveitados hoje e no futuro, talentos jovens, talentos veteranos e pessoas que estão tendo a chance de provar que sabem fazer muitas coisas ligadas à arte, como dançar, cantar, atuar, pintar, desenhar, imitar, e é isso que a televisão precisa apresentar.

Mas com o tempo a televisão que se tornou a dona da verdade para muitos e duvidosa para outros não está fazendo muito a sua parte, e vou começar pela emissora mais popular, a Rede Globo que estreou o Big Brother Brasil em 2002 e logo a primeira reação que provocou entre as pessoas foi uma divisão, ou seja uma discussão.

O reality show vai ao todos os anos mas as pessoas não percebem que todos saem perdendo com esse programa.

O BBB estreia todo mês de janeiro e logo após do programa vai ao ar uma minis série produzida pelos melhores autores e atores da Televisão que até a Record cobiça.

Mas estas séries perdem audiência por dois motivos: por serem assistidas por espectadores de uma opinião diferente dos espectadores do BBB e por passar muito tarde depois do BBB.

Em 2006 a série JK perdeu pontos em audiência por influencia do Big Brother Brasil.

Uma outra pesquisa feita pela rádio Nova Brasil FM onde o público alvo são os universitários e estudantes revelou que 88% da população disseram que os reality shows não estão entre seus programas favoritos.

A televisão brasileira precisa mostrar cultura, lazer, entretenimento, beleza e natureza.

E você? O que acha da Televisão Brasileira?

 



Escrito por rdsramon às 17h04
[] [envie esta mensagem
] []





Brasil: País junto ao seu povo!

Atualmente a economia brasileira vai muito bem, está realmente forte para chegar ao patamar de países ricos que estão em crise e com uma grande popularidade vai ser o gigante da América Latina que ira assediar a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016.

Porém o Brasil com todo esse poderio e soberania que ele conquistou lá fora ainda precisa vencer muitos desafios para manter a sua posição ou até quem sabe melhorá-la, e isso não é penas um compromisso com os políticos e os altos cargos de poder mas um compromisso com seu povo, afinal o que faz um país são as pessoas que nele habitam e não a beleza que ele apresenta.

Temos presenciado em jornais e revistas, principalmente na televisão e na internet que a violência do tráfico de drogas continua crescendo em nosso país, crianças com menos de 8 anos de idade já viciadas em drogas e pessoas doentes sem tratamento adequado porque o número de médicos está em falta.

Quantas vezes nós já vimos e estamos vendo o estrago que a natureza está nos provocando porque as chuvas que caem excessivamente em uma região já afetada talvez não seja provocado apenas pelo efeito estufa mas também pela pobreza e pela desigualdade mundial.

O Estatuto da Criança e do Adolescente diz-se dar apoio aos perdidos jovens, a melhor coisa que se pode fazer é permitir o trabalho antes dos 18 anos de idade para que os pobres possam ajudar seus pais trabalhando ao invés de roubando ou matando.

Realmente eu tenho que dizer que o Brasil é um país guerreiro mas desigual e egoísta, muitas pessoas não pensam em ajudar o próximo.

O Todo Poderoso Bloco Econômico G8 não aceita o Brasil como membro por ser um país muito desigual, mas como tudo tem dois lados o Brasil também não é aceito porque é um país que não abandona o seu povo e não têm vergonha dele. Vamos citar o Rio de Janeiro que é uma linda cidade, de gente de alta classe mas também de gente muito pobre, favelas em meio a grandes edifícios de luxo, o Brasil além de ser um país onde há miscigenação também é um país onde não se sabe quem é o rico e quem é o pobre, quem é o bom e quem é o mau.

O que realmente precisamos fazer é ajudarmos uns aos outros para construirmos uma nação mais equilibrada, saber se existem mais pessoas da classe alta, média ou baixa.

Fique ligado no Blog: Em breve um artigo sobre a China.  



Escrito por rdsramon às 12h06
[] [envie esta mensagem
] []





BRIC’s: países emergentes que serão uma potência mundial na próxima década.

Roberto Ramalho é Advogado, Relações Públicas e Jornalista.

Em enquete recente realizada pela BBC Brasil, por conta da reunião do G20, foi perguntado sobre que papel os BRIC’s teriam no futuro?  A resposta foi que muitos economistas acreditam que até o final da próxima década, ou seja, na década que já está para começar, esses países (que formam o chamado BRIC - Brasil, Rússia, Índia e China)- estarão entre as maiores economias do mundo, muito próximas de gigantes como Estados Unidos, atual e ainda 1ª economia mundial, seguida pelo Japão, 2ª economia do planeta e Alemanha, que por incrível que pareça já foi ultrapassada pela China, que já é a 3ª potência econômica do globo, ficando ela, Alemanha, na 4ª posição, mas ainda considerada a economia mais poderosa e rica da União Européia, formada por 27 países membros, entre eles o Reino Unido, a França e a Itália.

De acordo ainda com esses analistas econômicos, nos últimos anos estes países conseguiram tirar da pobreza mais de 500 milhões de pessoas, incorporando esse contingente à classe média, e aumentando, em conseqüência disso, a capacidade do poder de compra dessa população.

E o Brasil, com certeza, principalmente agora que tem reservas cambiais suficientes em torno de U$$ 208 bilhões, está emprestando dinheiro ao Fundo Monetário Internacional (FMI), algo em torno de U$$ 10 bilhões, e com o potencial energético que tem com os biocombustíveis e também com as novas reservas de petróleo do pré-sal estimadas em 400 bilhões de barris, e com seu parque industrial em pleno desenvolvimento, apesar da crise econômica, estará entre as 10 maiores potências do globo terrestre. E só esperar e viver para ver.

O cingalês e vencedor do Prêmio Nobel Mohan Munasinghe, que é Físico, Economista e Economista afirmou que o Brasil já é uma potência econômica. Na opinião de Munasinghe, o Brasil, já possui um grande potencial de liderança entre os países emergentes para achar soluções para um futuro colapso econômico e social mundial, buscando alternativas sustentáveis. Afirmou ele: “O Brasil é um pais muito rico de recursos humanos e naturais e poderá ser um grande líder, especialmente no desenvolvimento de energias alternativas, como o etanol da cana-de-açúcar, pois a tecnologia usada pelos EUA (a do etanol do milho) é ruim para o abastecimento de alimentos", disse. "O Brasil precisa buscar parcerias para ajudar a preservar o mundo.”

O economista econômica Jim O'Neill, chefe da área de pesquisa global do banco de investimentos Goldman Sachs,  e criador do termo BRIC’s, destaca que esse novo cenário não prevê que a elevada expansão na China e na Índia, dos últimos anos, sejam repetidas, mas sim que esses países cresçam, entre 2011 e 2050, a uma média de 5,2% e 6,3%, respectivamente.

 O’Neill afirma que nesse momento “apenas o Brasil vai precisar crescer com mais força do que até agora”, acrescentou, referindo-se à projeção para o País de crescimento médio de 4,3% entre 2011 e 2050. A expectativa para a Rússia é mais modesta, de 2,8% para o período.
Segundo O'Neill, em 2027, o suposto ano da virada, a economia da China alcançaria o valor de US$ 22,25 trilhões, assumindo o primeiro lugar no ranking das economias. 

A economia dos Estados Unidos, todavia, estaria em segundo lugar, com valor de US$ 21,61 trilhões, em terceiro, viria a Índia (US$ 5,54 trilhões), em quarto, o Japão (US$ 5,39 trilhões), em sexto, a Alemanha (US$ 4,16 trilhões), em sétimo, a Rússia (US$ 4,02 trilhões), e em oitavo, o Brasil (3,87 trilhões), na frente de países que hoje fazem parte do G8 como França, Itália e o Canadá.

E na reunião dos BRIC’s encerrada na cidade de Yakaterimburgo, na Rússia, na terça-feira, 16 de junho, os líderes de Brasil (Presidente Lula), Rússia (Presidente Medvedev), Índia (Primeiro-Ministro Manmohan Sing) e China ( Presidente Hu Jintao), afirmaram a necessidade de uma maior diversificação do sistema de divisas mundial, em uma declaração final ao término de sua reunião de cúpula. “Acreditamos que é muito necessário ter um sistema de divisas estável, previsível e mais diversificado”, afirma a declaração final do encontro, citada pelas agências de notícias russas, principalmente a Interfax, a principal e mais importante do País.

E na reunião do grupo G20, ocorrido no final da semana passada, entre os dias 26 a 27 de setembro, nos EUA, os BRIC’s mostraram mais uma vez a sua força, exigindo uma mudança radical do países ricos no plano econômico-financeiro, por meio de uma nova ordem mundial, inclusive reformando e mudando as estruturas do Banco Mundial e do Fundo Monetário Internacional.



Fonte: http://www.webartigos.com/articles/25480/1/BRICs-paises-emergentes-que-serao-uma-potencia-mundial-na-proxima-decada/pagina1.html#ixzz1BWx7C8gx



Escrito por rdsramon às 22h24
[] [envie esta mensagem
] []





A verdade sobre o preconceito a qual chamamos de Mundos.

Quando o Brasil foi colonizado pelos portugueses a nossa terra recebeu o nome de Novo Mundo pela grande riqueza que se apresentava e também pela extensão que podia ser cultivada e explorada, porém o Brasil é um país a qual podemos chama-lo de país guerreiro pois se não fossem pelos grandes homens que lutaram para a independência dessa nação talvez ainda seríamos um povo sem coragem de batalha.

Posso dizer com todas as palavras que a vida é feita de batalhas e o Brasil com todo esse poderio que ele exerce hoje diante do mundo, sendo a segunda economia das Américas e a sétima maior do mundo, não acho que esse esforço todo para chegar a esse patamar tenha saído apenas das mãos dos políticos e senadores mas também do suor do trabalhador brasileiro que a cada dia põe arroz e feijão na mesa de cada habitante e alimenta outros países como a China e a Índia.

Se você é daqueles que adota o velho ditado " esse país não vai pra frente " então está na hora de mudar, pra começar bem, mude o seu modo de pensar, não é o Brasil que tem que servir à você, é você que tem que servir ao Brasil como muitas nações politicamente corretas fazem, exemplo: Estados Unidos, Inglaterra e Espanha. Somos uma nação com um futuro compromisso de mover a economia mundial com a sua, a minha, e a nossa atitude.

Devemos agradecer a Deus por termos uma nação tão imensa e diferente das outras, pois é a unica no mundo que têm todas as culturas, todos os povos e todos os costumes de todos os continentes.

Agora eu te pergunto: Você acha realmente o Brasil um país de terceiro mundo?

Se você respondeu "não" parabéns, você conhece bem a nação que vive.

Pra ser bem franco eu afirmo que a expressão "terceiro mundo" é um preconceito relacionado aos povos pobres que separa pessoas por classes, nações ou culturas, para mim isso é nada mais de que preconceito cultural.

O Brasil não é um país para quem sonha pouco, mas para quem sonha alto, para quem têm ambição, muitos estrangeiros estão mergulhando de cabeça na economia brasileira com o objetivo de transformar o Brasil na maior das potências. Isso é possível? Com certeza sim.

Eu descarto completamente a expressão Primeiro, Segundo e Terceiro Mundo, afinal lugares são lugares e pessoas são pessoas.

Espero que em 2011 você cresça ainda mais e deixe uma herança não só para sua família mas para sua nação.

Ramon Ribeiro                                   rdsramon@hotmail.com

 



Escrito por rdsramon às 11h21
[] [envie esta mensagem
] []





Feliz Brasil para Você!



Escrito por rdsramon às 17h56
[] [envie esta mensagem
] []





Mensagem Importante!

O QUE UMA ESCRITORA HOLANDESA FALOU DO BRASIL

 

LEIA COM BASTANTE ATENÇÃO

 

Os brasileiros acham que o mundo todo presta, menos o Brasil,

realmente parece que é um vício falar mal do Brasil. Todo lugar tem

seus pontos positivos e negativos, mas no exterior eles maximizam os

positivos, enquanto no Brasil se maximizam os negativos. Aqui na Holanda, os resultados das eleições demoram horrores porque não há nada automatizado.

 

Só existe uma companhia telefônica e pasmem!: Se você ligar reclamando do serviço, corre o risco de ter seu telefone temporariamente desconectado.

 

Nos Estados Unidos e na Europa, ninguém tem o hábito de enrolar o sanduíche em um guardanapo - ou de lavar as mãos antes de comer. Nas padarias, feiras e açougues europeus, os atendentes recebem o dinheiro e com mesma mão suja entregam o pão ou a carne.

 

Em Londres, existe um lugar famosíssimo que vende batatas fritas enroladas em folhas de jornal - e tem fila na porta.

 

Na Europa, não-fumante é minoria. Se pedir mesa de não-fumante, o garçom ri na sua cara, porque não existe. Fumam até em elevador.

 

Em Paris , os garçons são conhecidos por seu mau humor e grosseria e qualquer garçom de botequim no Brasil podia ir pra lá dar aulas de ' Como conquistar o Cliente'.

 

Você sabe como as grandes potências fazem para destruir um povo?

Impõem suas crenças e cultura. Se você parar para observar, em todo filme dos EUA a bandeira nacional aparece, e geralmente na hora em que estamos emotivos.

 

Vocês têm uma língua que, apesar de não se parecer quase nada com a língua portuguesa, é chamada de língua portuguesa, enquanto que as empresas de software a chamam de português brasileiro, porque não conseguem se comunicar com os seus usuários brasileiros através da

língua Portuguesa.

 

Os brasileiros são vitimas de vários crimes contra a pátria, crenças, cultura, língua, etc... Os brasileiros mais esclarecidos sabem que temos muitas razões para resgatar suas raízes culturais.

 

Os dados são da Antropos Consulting:

 

1. O Brasil é o país que tem tido maior sucesso no combate à AIDS e de outras doenças sexualmente transmissíveis, e vem sendo exemplo mundial.

 

2. O Brasil é o único país do hemisfério sul que está participando do Projeto Genoma.

 

3. Numa pesquisa envolvendo 50 cidades de diversos países, a cidade do Rio de Janeiro foi considerada a mais solidária.

 

4. Nas eleições de 2000, o sistema do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) estava informatizado em todas as regiões do Brasil, com resultados em menos de 24 horas depois do início das apurações. O modelo chamou a atenção de uma das maiores potências mundiais: os Estados Unidos, onde a apuração dos votos teve que ser refeita várias vezes, atrasando o resultado e colocando em xeque a credibilidade do processo.

 

5.. Mesmo sendo um país em desenvolvimento, os internautas brasileiros representam uma fatia de 40% do mercado na América Latina .

 

6. No Brasil, há 14 fábricas de veículos instaladas e outras 4 se instalando, enquanto alguns países vizinhos não possuem nenhuma.

 

7. Das crianças e adolescentes entre 7 a 14 anos, 97,3% estão estudando.

 

8. O mercado de telefones celulares do Brasil é o segundo do mundo, com 650 mil novas habilitações a cada mês.

 

Na telefonia fixa, o país ocupa a quinta posição em número de linhas instaladas.

 

10. Das empresas brasileiras, 6.890 possuem certificado de qualidade ISO-9000, maior número entre os países em desenvolvimento. No México, são apenas 300 empresas e 265 na Argentina .

 

11. O Brasil é o segundo maior mercado de jatos e helicópteros executivos.

 

Por que vocês têm esse vício de só falar mal do Brasil?

 

1. Por que não se orgulham em dizer que o mercado editorial de livros é maior do que o da Itália, com mais de 50 mil títulos novos a cada ano?

 

2. Que têm o mais moderno sistema bancário do planeta?

 

3. Que suas agências de publicidade ganham os melhores e maiores prêmios mundiais?

 

4. Por que não falam que são o país mais empreendedor do mundo e que mais de 70% dos brasileiros, pobres e ricos, dedicam considerável parte de seu tempo em trabalhos voluntários?

 

5. Por que não dizem que são hoje a terceira maior democracia do mundo?

 

6. Que apesar de todas as mazelas, o Congresso está punindo seus próprios membros, o que raramente ocorre em outros países ditos civilizados?

 

7. Por que não se lembram que o povo brasileiro é um povo hospitaleiro, que se esforça para falar a língua dos turistas, gesticula e não mede esforços para atendê-los bem?

 

Por que não se orgulham de ser um povo que faz piada da própria desgraça e que enfrenta os desgostos sambando.

 

É! O Brasil é um país abençoado de fato.

Bendito este povo, que possui a magia de unir todas as raças, de todos os credos.

Bendito este povo, que sabe entender todos os sotaques.

Bendito este povo, que oferece todos os tipos de climas para contentar toda gente. Bendita seja, querida pátria chamada Brasil!!

 

Divulgue esta mensagem para o máximo de pessoas que você puder. Com essa atitude, talvez não consigamos mudar o modo de pensar de cada brasileiro, mas ao ler estas palavras irá, pelo menos, por alguns momentos, refletir e se orgulhar de ser BRASILEIRO!!!



Escrito por rdsramon às 17h52
[] [envie esta mensagem
] []





Brasil é Próxima Potência Mundial.

O bilionário americano Sam Zell, 68, está no Brasil, hoje e amanhã, para expandir os investimentos do grupo Equity International no país que considera a próxima "potência mundial".

"O quanto vamos investir depende das oportunidades. Até hoje, nenhuma foi maior do que o nosso apetite por capital", afirmou Zell à Folha, por telefone, de Chicago.

O grupo de private equity já tem participações em cinco empresas brasileiras, entre elas a Gafisa e a BR Malls, que tem atualmente 35 shoppings em seu portfólio.

Entusiasta do Brasil, Zell atribui ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva o reconhecimento do país como "uma das oportunidades mais atraentes do mundo".

O empresário americano minimiza o risco de superaquecimento da economia brasileira. "O país vai muito bem. Prefiro investir em um país quente demais a investir em um país frio", diz.

"Começamos a estudar o Brasil há quase 12 anos. Desde então, houve o reconhecimento [no exterior] da estabilidade fiscal do país", elogia.

"O Brasil elevou as taxas de juros antes de outros países, evitando a hiperinflação que o infestou no passado."

Para o americano, "o Brasil sempre foi reconhecido como tendo enormes recursos e oportunidades, mas, no passado, não soube tirar vantagem disso".

"Nos últimos oito, nove anos, tem havido um novo nível de disciplina, fazendo dele uma das oportunidades mais atraentes no mundo. O presidente Lula focou no crescimento enquanto manteve a disciplina fiscal, para evitar a hiperinflação."

Zell diz achar que, hoje, "há menos obstáculos para investir no país". "O Brasil está se transformando de um país em desenvolvimento em um país desenvolvido."

A eleição tampouco o preocupa -os dois principais candidatos à Presidência, diz, manterão a política econômica atual.

Ele dá dois conselhos para que o país continue no caminho para se tornar uma potência com liderança mundial: "Manter a disciplina fiscal e continuar a desenvolver os seus recursos e a construir infraestrutura, facilitando os investimentos".

Apesar de o principal foco da sua empresa ser no setor imobiliário, Zell afirma não descartar nenhuma área. Mas, ao final da entrevista, o empresário responde com um rápido "não" quando questionado se investiria na mídia brasileira.

Uma das grandes polêmicas que assombram sua carreira é a aquisição da Tribune Company, em 2007. No ano seguinte, o grupo, que publica o "Los Angeles Times" e o "Chicago Tribune", entre outros veículos, pediu falência.

Com o processo ainda em andamento, Zell recusa-se a comentar o assunto. Questionado se  arrepende de ter investido em mídia nos EUA, diz apenas: "Não tenho arrependimento nenhum".

 



Escrito por rdsramon às 17h49
[] [envie esta mensagem
] []





O Brasil é rico, pois possui um território gigantesco, com mais de oito milhões quinhentos mil quilômetros quadrados, imensas reservas e recursos naturais de causar inveja aos outros povos. Produz desde café, soja, cacau e exporta automóveis, aviões, minérios de ferro, é o primeiro país do globo em reservas de nióbio, um metal especial. Enquanto outros povos sofrem com a falta de água, o Brasil ainda se dá o luxo de desperdiçar água. Apesar do desmatamento irresponsável, as nossas florestas ainda são enormes. Há uma grande produção de leite, carne bovina, frango e cereais que são exportados aos milhões de toneladas. È um país maravilhoso, a sua cultura é diversificada, além de ter um rico folclore. Entretanto, por mais esforços que tenham feitos os governantes, o povo, em sua grande maioria ainda é pobre e há, ao menos, dezessete milhões de analfabetos. E, por que somos pobres? O Japão não possui recursos naturais, importa desde minérios até carnes e é a segunda economia mundial. A Suíça não produz cacau, mas fabrica o melhor chocolate do mundo. Acaso não será porque são países com história mais antiga do que o Brasil? Mas, a Índia e o Egito que são povos milenares, são pobres e o Brasil com mais de quinhentos anos de existência é pobre. Enquanto que países novos, como Austrália, Nova Zelândia e Canadá, são ricos. Qual a diferença e o que acontece? Onde estarão as causas da pobreza da grande maioria do povo brasileiro?

O que nos falta são atitudes, iniciativas e força de vontade de superação. Deixar de levar vantagens em tudo e não se acomodar. "Não deixar para a tarde o que puderes realizar pela manhã". Há princípios que deveríamos adotar, diariamente, e não uma vez ou outra. Ética, ser verdadeiro, honesto e íntegro. Respeitar as leis, regulamentos e o direito dos outros cidadãos. Compreender que a cada direito há um dever a ser cumprido. Amor ao trabalho. O trabalho é uma dádiva, logo, quando trabalhamos deveremos sentir que estamos colaborando para o país e para os outros e não somente para sobreviver. A grandeza da Nação depende de cada um de nós. O desejo de superação é algo extraordinário, exige garra, força e coragem. No Brasil há um péssimo costume de não ser pontual. A pontualidade demonstra organização e responsabilidade, seja, portanto, sempre pontual em todas as ocasiões. Economize, faça poupança, mesmo que seja de apenas um real, pois é uma forma de se organizar pessoalmente e estimular os demais familiares a fazer o mesmo. Caso lhe seja possível, além de poupar faça investimentos. Quando perceber que há algo errado na sociedade ou comunidade onde vive, deve se indignar publicamente. Proteste, fale com os seus amigos, comente em seu ambiente de trabalho, mas não deixe pra lá. No Brasil faltam-nos atitudes. Tenha uma memória viva e seja forte. Todo o dia diga a si mesmo ao se levantar: "eu quero, eu posso, atingirei os meus objetivos, pois o meu ser é como o de qualquer pessoa". As forças do criador estão em mim e tudo posso. É este acreditar que nos levará à vitória. E, caso todas as pessoas tomem atitudes, diariamente, com desejo forte de superação e orgulho de ser brasileiro, ninguém poderá com este país e seremos exemplo para o mundo. E então, vamos começar hoje uma nova vida? Tenha fé e ultrapasse os degraus da fé e alcance a confiança plena tanto em você como nos cidadãos.

 



Escrito por rdsramon às 17h48
[] [envie esta mensagem
] []



 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]